Connect with us

Finanças

Veja benefício de R$1.100 que o INSS liberou para não contribuintes!

Published

on

PUBLICIDADE

Aqueles trabalhadores que nunca contribuíram para o INSS podem receber um benefício da Previdência Social. Trata-se de uma contribuição de um salário mínimo do Governo Federal para os oriundos de famílias de baixa renda.

PUBLICIDADE


De acordo com informações do Governo Federal, serão considerados empregados elegíveis aos benefícios as pessoas com mais de 65 anos ou qualquer idade se portadores de deficiência de longa duração.
Além da idade ou deficiência, a pessoa envolvida na assistência deve também demonstrar que a família não pode cuidar desse idoso ou de um deficiente que possa ser de natureza mental, física, intelectual ou sensorial. Saiba mais a seguir sobre.

Este benefício de R$1.100 é como uma aposentadoria?

Não, aposentadorias e pensionistas tem pagamentos do 13º, o BPC não.

Afinal, como o INSS avalia se a pessoa é de uma família de baixa renda?

Esta avaliação é feita por meio de um assistente social.

E como conseguir um estudo social?

Basta procurar um assistente social no CRAS, que é o Centro de Referência de Assistência Social. Toda cidade tem pelo menos um CRAS.

Quais situações o INSS pode negar o pagamento deste benefício?

São apenas três situações: Quando a pessoa não tem a idade mínima, quando não prova a incapacidade ou quando entende que a família não é de baixa renda.

O que fazer quando o interessado não consegue o benefício?

Caso a negativa for porque não ficou comprovada a incapacidade, deve-se questionar a perícia feita pela Previdência Social. Se for negado por causa da renda familiar, deve-se ter o cuidado de apontar todas as despesas que a família tem com a pessoa deficiente ou idosa, por que nem sempre o INSS não leva isso em consideração.

Acesse também:

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *