Como estudar para concurso público: Veja as principais dicas!

Dicas de Como estudar para o Concurso Público

Conseguir passar em um concurso público é, para uns o sinônimo de garantia e estabilidade financeira e para outros é um sonho almejado, que representa um rotina extensiva para estudar o edital e as matérias.

PUBLICIDADE


Todos sabem que um concurso exige muito estudo por parte do concorrente, em razão não só da dificuldade das provas, mas também da grande concorrência. Portanto, a palavra chave é estudar!

Existem diversos concursos públicos, seja para ingressar em um carreira público no poder judiciário como escrevente, oficial de justiça, juiz de direito ou promotor, como também ingressar em cargos de empresas estatais e do próprio poder executivo.

Muitas pessoas dedicam anos de suas vidas apenas para conseguir uma convocação em um certame. Muitas outras desistem simplesmente por considerarem muito difícil embarcar em uma rotina de estudos.

Para aqueles que embarcam na jornada de estudos existe antes uma projeção e rotina de estudos para o concurso público, que vão desde leitura, assistir aulas, revisão, simulados etc.

A grande maioria dos concurseiros, como são chamados aqueles que sempre estudam e prestam concursos públicos, contratam uma instituição especializada ou simplesmente estudam por conta.

Com certeza a segunda opção é a mais desafiadora, pois exige do concorrente disciplina, disponibilidade de tempo, dedicação e ser a prova de frustrações.

Vamos explorar neste artigo as melhores estratégias e as dicas, a fim de otimizar seus estudos para o concurso público.

ESTRATÉGIAS DE ESTUDOS PARA O CONCURSO PÚBLICO

Qualquer preparação para um desafio exige que o concorrente prepare o seu corpo e sua mente para o que esta por vir, isto para muitos é um desafio. Mas temos uma boa notícia! Se você, leitor, se atentar a dicas neste artigo poderá conseguir se destacar no próximo concurso público.

Motivação

O concorrente não pode perder o foco dos estudos, senão ficará para trás dos demais participantes do concurso público. Portanto, antes de tudo deve se ter em mente uma motivação: seja reconhecimento pessoal; sucesso profissional; estabilidade financeira. Tendo um motivação sólida os próximo passos serão mais fáceis.

Cronograma

Após ter uma motivação em mente, o concorrente deverá elaborar um cronograma que deverá ser seguido rigorosamente, levando em conta todas as suas outras tarefas, conciliando o tempo com o emprego e a família. Certamente com o cronograma alguns lazeres deverão ser retirados a fim de conciliar e priorizar para a realização de seus estudos.

Rotina

Se o cronograma for bem elaborado, de acordo com as vontades do concurseiro, o estudo deve virar rotina, logo se tornará um hábito que faz parte do cotidiano do interessado. Para tanto, o concorrente deve se acostumar aos estudos, o que tornará todo o processo mais leve para o concorrente, a fim de conseguir a aprovação no concurso público.

PUBLICIDADE


Metodologia

Entre os passos citados acima o concorrente deverá desenvolver uma metodologia de acordo com os seus critérios subjetivos para estudar de forma produtiva. Vejamos aqui alguns exemplos:

  • Pessoas Visuais – Para este tipo de pessoa a melhor forma de estudo é com imagens, fluxogramas, quadros mnemônicos, até mesmo livros;
  • Pessoas auditivas – Este tipo de pessoa aprende melhor com podcasts, conversas ou com uma boa vídeo-aula.
  • Pessoas Cinestésicas – O concorrente que é cinestésico possui mais facilidade de aprender com experiência, colocando a mão na massa, desenvolvendo atividades, a fim de entender o conteúdo na prática.

Dentro da metodologia, o concorrente deverá identificar quais são as matérias mais relevantes para a prova do concurso público, ou seja, verificar quais são os temas que mais caem, focar e os estudar profundamente.

Sabemos da variedade estrondosa de concursos públicos no Brasil, mas a grande maioria deles possuem uma base em comum para o interessado poder estudar, vejamos:

QUAIS SÃO AS MATÉRIAS BÁSICA PARA UM CONCURSO PÚBLICO?

Os concursos públicos reúnem em suas provas as matérias básicas, que os candidatos devem conhecer, dominar e estudar para se destacarem e conseguirem a sua aprovação.

Dentre elas: Língua Portuguesa; Matemática; Atualidades; Noções de Informática; Noções de Direito.

Vamos analisar cada uma delas:

Língua Portuguesa.

A grande maioria dos concursos públicos tem em suas provas questões sobre língua portuguesa, desde gramática básica, concordância verbal, acentuação, interpretação de texto, paragrafação, desta forma os interessados devem estudar essas matérias principalmente.

Esta matéria em específico deve estar em peso no cronograma de estudos do  concorrente. Muita atenção a gramática e interpretação de texto, uma maneira de estudar tal matéria é lendo e produzindo redações e depois as corrigindo e verificando seus erros.

Matemática.

Quanto a esta matéria muitos concorrente encontram muita dificuldade em razão das formulas e das questões que muitas vezes não fazem sentido para os olhares menos treinados.

Para se dar bem com esta matéria o concorrente deve se atentar e dominar principalmente as contas básicas, soma, subtração, multiplicação e divisão, afinal a maioria das questões de matemática incluirão tais contas.

Deverá também dominar e estudar a lógica-matemática e se atentar com a leitura das perguntas, a fim de não pecar nos detalhes no concurso público.

PUBLICIDADE


Noções de Informática.

Vários concursos públicos possuem em seus editais e previsão da matéria denominada “Noções de Informática”. Mas o que se trata?

É que a Administração Pública passou a ser totalmente digital, exigindo que o funcionário saiba utilizar ferramentas como o excel, word, e-mail, abrir e fechar pasta, se conectar a internet. Portanto, o candidato deve se assimilar e estudar as funcionalidades básicas do computador para garantir sua aprovação no concurso público.

Noções de Direito.

Dentro desta matéria os certames geralmente exigem conhecimentos de legislação e direito do concurseiro, portanto o candidato deverá estudar para o concurso público:

  • Constituição da República;
  • Conceitos de administração pública;
  • Atos administrativos e suas características;
  • Lei de Licitações;
  • Lei de acesso à informações;
  • e a Lei específica que dispõe sobre o regulamento e atribuições do cargo pretendido.

Por exemplo, para o concurso da Polícia Militar o candidato deve concentrar seus estudos sobre a legislação de segurança públicas, a Constituição do Estado, observando tudo o que dispõe sobre os atributos.

Desta forma, podemos verificar que a matéria de Noções de Direito pode variar muito de acordo com cada concurso público, portanto o interessado deverá observar e estudar o edital e focar nas matérias que irão cair na prova.

Atualidades.

Quanto a esta matéria o concorrente deverá estar antenado e estudar com as noticias mais impactantes no cenário político, econômico e social do pais e principalmente da região de onde será realizado o concurso público.

Desta forma, um bom método é o concurseiro sempre assistir jornal e verificar as notícias locais, opiniões de jornalistas, de modo que o estudo para esta matéria se tornará natural.

PUBLICIDADE


CONCLUSÃO

A aprovação no concurso público é possível, mas exige do candidato dedicação e disciplina. Se o concorrente estudar por conta deverá incorporar os estudos ao seu dia-a-dia. Desta forma, fica evidente que estabelecer um método coerente de estudos é primordial para garantir a vaga em um concurso público.

    Seja o primeiro a comentar

    Faça um comentário

    Seu e-mail não será divulgado.


    *