Currently set to No Index
Connect with us

Finanças

Auxílio Emergencial: saiba como contestar se foi negado.

Published

on

Publicidade

O Auxílio Emergencial foi criado em abril de 2020 para ajudar trabalhadores sem carteira assinada, autônomos, MEIs e desempregados durante a crise gerada pela pandemia do coronavírus. Em 2021 ele retornou para auxiliar os trabalhadores, mas com alterações nos valores das parcelas.

PUBLICIDADE


Aqueles que tiveram o pedido do auxílio emergencial negado até o penúltimo sábado (10) poderá recorrer até essa quinta-feira (22), saiba como.

Mensalmente há uma checagem de todos os dados cadastrados no Auxílio Emergencial para que não tenham pessoas fora do critério imposto para os recebimentos. Portanto, algumas famílias deixam de receber o auxílio ao sair da lista de critérios, como por exemplo alguém da família conseguir trabalho formal com carteira assinada.

Somente esses motivos possiblitam ao trabalhador contestação do Auxílio:

  • Ser menor de idade;
  • Ser dado como morto, mas estar vivo;
  • Receber seguro-desemprego;
  • Estar registrado como funcionário público;
  • Ter vínculo formal e ativo de trabalho;
  • Ter renda familiar acima do teto do auxílio (três salários mínimos, R$ 3.300);
  • Ser beneficiário de outros programas;
  • Ser detento;
  • Morar no exterior;
  • Não ter CPF identificado;
  • Ser estagiário, médico ou residente;
  • Não ter movimentado os recursos do auxilio emergencial 2020 ou do Bolsa família.

Como contestar?

  • Entre no site Consulta Auxílio, depois preencha os dados pedidos, como o seu CPF, seu nome completo, nome da mãe e data de nascimento para se cadastrar.
  • Em seguida aparecerá se seu auxílio foi aprovado ou negado.
  • Caso apareça recusa do auxílio, clique no botão “contestar análise”.
  • Depois, o site perguntará se você tem certeza que quer pedir a contestação. Ao afirmar que “sim”, seu pedido será encaminhado para avaliação do Dataprev.
  • Se a contestação for negada o Dataprev realizará um novo processamento das contestações a partir da atualização dos dados de suas bases. Assim, se você contestou mas ainda não foi aprovado, terá o pedido analisado novamente no mês seguinte.

Acesse também:

 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *